sábado, 16 de agosto de 2008

A marcha do pingüins


Depois de ver várias notícias no jornal sobre pingüins se aventurando em solo baiano e começar a tramar um turismo pingüistico, comprando mais duas geladeiras aqui pra casa, resolvi assistir um filme que já despertava minha curiosidade há algum tempo, A Marcha dos Pingüins. Achei muito bonito. Tudo bem que essa opinião é praticamente unânime entre os que já assistiram a esse filme (que, inclusive, ganhou um Oscar), mas devo expressar minha empolgação por aqui pra servir como dica. Pra quem não assistiu, eis uma boa oportunidade de reunir a família, namorada (o), pingüins e afins. Trata-se de um documentário, mas é muito diferente do comum, fala sobre os hábitos dos pingüins-imperadores, mas de maneira, digamos assim, bem humana, em uma narrativa infantil, porém, cheio de cenas fortes e emocionantes e, no final das contas, com a estrutura de uma estória, só que através de imagens reais. Ah, a trilha sonora merece muito destaque também. O filme é lindo demais, minha gente! Maravilhoso! Me fez repensar, entre outras coisas, a atitude do homem frente a natureza, mas não que a estória toque nesse ponto, digamos assim, frio. Fica aqui a indicação. Vale a "pena"...se é que vocês me entendem.

terça-feira, 12 de agosto de 2008

Olim piadas


Começaram as Olimpíadas. Êhh! Finalmente uma notícia de primeira mão aqui nesse blog. Estou me tornando praticamente um jornalista, e dos melhores, estão vendo?...mas é sério, pessoal, quem viu a abertura? É dinheiro de bocado que rola, né não?!...Não importa, vale tudo pra venderem a China comunista (?!)...Ôps! Deixa isso pra lá...pra lá pro outro lado do mundo. Continuando...abertura de olimpíada é um espetáculo e tanto. Fico imaginando o que os gregos da Antigüidade achariam disso, o evento esportivo que eles criaram há mais de dois mil anos atrás dando o maior ibope nos dias de hoje, até mesmo no mundo oriental. Aliás, no mundo inteiro. Podemos agora acompanhar o evento mesmo estando no pólo oposto do nosso planeta. Olha só, mais um furo de reportagem!!! Entenda meu entusiasmo, meu povo, eu não canso de me impressionar com a tecnologia, afinal, antes, a única coisa que eu conhecia de Pequim era o cachorro de uma ex-vizinha minha que acredito ter vindo de lá, pois diziam ser ele, um legítimo “pequinês”.
Um dia desses eu vi no telejornal que na época das primeiras olimpíadas era proibido haver guerras durante o período do evento. Bom seria se essa lei valesse pros dias atuais, pois enquanto os jogos acontecem sem parar, o conflito entre Rússia e Geórgia come solto também, logo ali do lado. No entanto, não é todo costume adotado pelos gregos nos princípios olímpicos que cairia bem atualmente, senão os atletas de hoje teriam que disputar peladões, como os Antigos, e o maior vexame disso, seria dos próprios chineses, por conta da fama que eles já possuem...mas o verdadeiro problema nisso seria que retomar a prática grega ao pé da letra significaria também excluir a participação das mulheres da competição, e aí sim, seria uma coisa ridícula e absurda....ah, nem me chamem de machista, concordemos que nessa condição também o Brasil não ganharia nenhuma medalha no futebol.
Falando em pelada, digo, em futebol, existem rumores de que o jogador Robinho, que não foi liberado pelo Real Madrid para competir pela seleção brasileira em Pequim, ainda poderá participar dessas olimpíadas, porém, em outra modalidade, o Triatlo...isso devido a sua fama de ser aquele que “corre, corre...pedala, pedala...e nada”.
É, pessoal, enquanto o Robinho não vem, eu continuo lhes transmitindo essas informações preciosíssimas, e a batalha pelas medalhas de ouro continua tinindo lá em Pequim, onde a anfitriã, China, está tentando com todas as forças obter o maior número de douradinhas. Em minha opinião, tá no papo, eles levam essa de olhos fechados, literalmente.

Um beijing pra quem bateu o recorde olimpíco que foi ler essa baboseira toda aqui.
Atena próxima postagem.